Temer na cadeia Aécio na cadeia

Temer na cadeia Aécio na cadeia
Copiem e colem em seus perfis

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

VERDADE




VERDADE

 Cobrem-te com muitos véus
 Chamam infernos de céus
 Fazem da Terra cartel
 No carrossel clamam por tua ausência
 Poucos te cultivam e gritam teu nome
 Veem liberdade onde muitos imaginam prisão
 Na caverna de Platão perdi a visão
 Sem luz alguma, te sigo de olhos fechados
 Os ruídos de tuas pegadas formam a minha jornada histórica
 Puxo a barra da tua saia até que segures minha mão
 És musa eterna, Verdade
 És imensidão
 Em teu seio a poesia mais pura brota
 És grota onde a beleza dura

 AROLDO FILHO
2:00
30/07/2012