terça-feira, 26 de agosto de 2014

MEIGA MERA QUIMERA

http://ateupoeta.blogspot.com.br/2014/08/meiga-mera-quimera.html
MEIGA MERA QUIMERA

Vinhedos ouvindo Vivaldi para viver
Fogo na praia
Seca e racionamento
Pátria em campanha eleitoral

Sei lá, tudo ritual
Poetas sem igual no anonimato
Motos no meio do mato
Acidentes descomunais no asfalto

Eu vi 5 estrelas cadentes
Meteoritos da negra estratosfera
Mesmo fera adestrada mata
Quando enlouquece a sua quimera

Na mediocridade embutida
No seio da sociedade

Ateu Poeta
26/08/2014
Ateu Poeta, O Historiador de Pacoti. Tema Simples. Tecnologia do Blogger.