sexta-feira, 12 de junho de 2015

MAESTRO DE SI

MAESTRO DE SI

Toda rebeldia tem causa
Nem que seja euforia sem asa
Temores de casa
Vícios da convicção

Fantasia em brasa
Contramão
Contrato de ficção
Ditames da contradição

Perfume da flor mais amarga
Fenecer feira de frenesi
Talvez a passagem mais larga
Não traga o mel do êxtase

Viver é teimar em prosseguir
Aprender a ser maestro de si


Ateu Poeta
12/06/2015
Ateu Poeta, O Historiador de Pacoti. Tema Simples. Tecnologia do Blogger.