domingo, 16 de outubro de 2011

PÉTALAS AO VENTO


Nossas vidas se separam
Como pétalas ao vento

Quem despetala o tempo 
Que junto apaga lembranças
Sonhos e esperanças 
De uma vida melhor? 
Juntemos as pétalas que sobraram. 

ATEU POETA